quinta-feira, 31 de outubro de 2013

BRAPEL DECIDE O SEGUNDO TURNO DA COPA SUL-FRONTEIRA

RECUPERANDO

- Por Beto Vetromille 

No dia 17 de setembro deste ano, escrevi , aqui, uma manchete quase igual. Era a primeira decisão da Copa da Região Sul e Fronteira com o Clássico BRAPEL. Pois, passados quarenta e cinco dias , a manchete se repete - tem BRAPEL na decisão !

O momento das equipes na competição fortalece o confronto. Num breve retrospecto do ano, já foram disputados 4 clássicos, onde cada um venceu um , e empataram os outros dois. A única diferença foi o placar do BRAPEL do Bento Freitas, quando o Pelotas quebrou o chamado ''tabú'' sem vencer o seu rival , goleando o Brasil por 3x0. Naquele jogo, o final da partida foi marcado pelo encerramento antecipado devido ao problema de invasão de campo e agressão ao auxiliar da arbitragem por um torcedor xavante. No mais , foi um jogo bem disputado dentro de campo.
Agora, dois outros clássicos estão agendados - no sábado 02 de novembro, na Boca do Lobo, e o segundo , na terça-feira , 05 de novembro, à noite, no Bento Freitas , para saber quem será o campeão do segundo turno.

RETROSPECTO
Presidente Ricardo Fonseca(B) e Vice presidente de futebol Lúcio Barrto(P)
Foto -arquivo - Beto Vetromille - Futebol On Line
O Pelotas foi o campeão do primeiro turno. Caso vença o segundo , será o campeão geral da Copa Sul-Fronteira, automaticamente. Assim, ingressaria direto na Super Copa que será disputada, em Pelotas, nos dias 15,16 e 17 de novembro. Caso o Brasil seja o campeão do segundo turno teremos mais dois clássicos BRAPEL para sabermos quem será o campeão geral da zona sul.

OPINIÃO

Vale lembrar que, depois de muito tempo sem os confrontos locais, esta Copa , através da fórmula atual, acabou gerando uma frequente repetição nos confrontos que, de certa maneira, desmobilizou um pouco o torcedor pela presença tão repetida de público nestes jogos. Foi assim, numa bela tarde de domingo, no horário de quatro da tarde, que o MAIOR CLÁSSICO DO INTERIOR GAÚCHO não chegou a levar um público maior de 5 mil pessoas na Boca do Lobo. O que tanto se pediu para que fosse valorizado, acabou desmotivado pela sequência de jogos atropelados na Copa, bem como, da competição paralela dos ''matas-matas'' chamada Copa Willy Sanvitto.

Espero melhorias na equalização dos termos e tabelas dos regulamentos para o próximo ano.

Últimos Acessos nas 24h

Presidente Novelletto FGF

Presidente Novelletto FGF

Paulo Paixão

Paulo Paixão

Dr. José Raymundo

Dr. José Raymundo

Árbritro Jean Pierre Lima

Árbritro Jean Pierre Lima

Técnicos Cuca e Edson Gaúcho

Técnicos Cuca e Edson Gaúcho

Técnico Dunga

Técnico Dunga

Juan - zagueiro

Juan - zagueiro