domingo, 19 de agosto de 2012

BRASIL ESTÁ FORA DO NACIONAL [OPINIÃO]

BRASIL 0 X 1 JUVENTUDE

INVENCIBILIDADE : Basta tê-la para perdê-la !

E foi no Bento Freitas que a derrota aconteceu. Segundo uma estatística apresentada na semana antes do jogo, há 17 anos o Juventude não vencia o Brasil, na Baixada.
O gol do jogo saiu depois de uma boa jogada de Jardel que cruzou para Zulu, que de cabeça marcou o gol da vitória por 1 a 0. Com o revés de hoje, o Brasil tem de vencer obrigatoriamente o Arapongas, fora de casa, e torcer para que o Metropolitano vença o Juventude.

O próximo confronto do Rubro Negro será o classico BRAPEL, pela Copa Hélio Dourado, quarta feira (22) 20h na Boca do Lobo.

Pela Série D , o Xavante cumprirá tabela no próximo fim de semana, no Paraná.

OPINIÃO de Beto Vetromille

A questão do ganhar ou perder é do futebol.
O fato do resultado ter sido adverso em nada muda este enfoque.

Na minha opinião, já emitida publicamente, através do meu programa - FUTEBOL ON LINE - diariamente na Rádio Alfa 94,5FM, o GE Brasil, respeitado por mim, por toda sua condição histórica, da qual também faço parte como profissional que por lá venci, deveria fazer o seguinte tipo de avaliação :

- não estaria na hora de dedicar mais esforços numa competição regional?

- na carona de seu rival - o Pelotas - que deixou de lado , em 2009, o Campeonato Brasileiro da mesma Série D - e subiu da Segundona para a elite do Gauchão, porque não fazer igual, já que tantos outros pensamentos são copiados , as vezes, de clubes e estruturas alheias da nossa realidade?

Na situação em que está, aumentam os desgastes entre torcedores, descréditos de dirigentes,  o trabalho da imprensa, e de quem mais fizer parte desse momento ruim vivido pelo Xavante.

Não é apenas da atual gestão. 
Desde 2009 as dificuldades parecem descarregadas, de uma única vez , no portão do estádio Bento Freitas.

Não é bom para ninguém ter o clube rubro negro alijado de uma competição.

A condição de um passado de quase 30 anos , da façanha de 1985, já não mais sustenta as finanças do clube. O mundo mudou e o futebol acelerou em todos os sentidos.

É hora de apenas agradecer ao passado, mas ajustar os ''controles de vôo'' para avançar , definitivamente , para o futuro.

Boa sorte ao xavante.

Por Beto Vetromille

Nenhum comentário:

Últimos Acessos nas 24h

Presidente Novelletto FGF

Presidente Novelletto FGF

Paulo Paixão

Paulo Paixão

Dr. José Raymundo

Dr. José Raymundo

Árbritro Jean Pierre Lima

Árbritro Jean Pierre Lima

Técnicos Cuca e Edson Gaúcho

Técnicos Cuca e Edson Gaúcho

Técnico Dunga

Técnico Dunga

Juan - zagueiro

Juan - zagueiro