Série C: Federação Paraibana rompe com Treze e alerta risco de suspensão

Presidente FPF - Rosilene Gomes
A presidente da FPF afirmou que não irá mais defender o Galo
 
A Federação Paraibana de Futebol (FPF), por meio da presidente Rosilene Gomes, rompeu as relações com a diretoria do Treze. Isso porque o clube de Campina Grande afirmou que não irá retirar as ações da Justiça Comum e irá continuar brigando por uma vaga na Série C do Campeonato Brasileiro.

Por meio de nota, emitida por sua assessoria de imprensa, a presidente afirmou que a FPF não poderá continuar defendendo o clube, uma vez que a própria federação corre o risco de ser desfiliada como punição.

Ainda consta na nota que o Treze deverá mesmo ser punido pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) assim como pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

"Caso o Treze não retire a representação judicial, a CBF vai entrar com o processo de suspensão por dois anos ou até mesmo de desfiliação, o que deixará o Treze impedido de participar de qualquer competição oficial, seja da CBF ou FPF", afirmou em nota.


Campina Grande, PB, 18 (AFI)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BRASIL 1 X 0 INTER - E TABU QUEBRADO !

GE BRASIL ENCAMINHA SITUAÇÃO DO ATACANTE LUIS EDUARDO

UBERLÂNDIA /MG RECONHECE PROFISSIONAIS GAÚCHOS