terça-feira, 12 de junho de 2012

CBF REUNE CLUBES PARA DEFINIR ACORDO

Depois de só observar os imbróglios judiciais que paralisaram o Campeonato Brasileiro das Séries C e D, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) enfim resolveu se mexer. 

Tudo isso, porque a entidade pediu reunião extraordinária, para esta quarta-feira, no Rio de Janeiro, com Treze, Rio Branco, Araguaína e Brasil de Pelotas. Informações dão conta de que as Divisões poderão começar ao final do mês.

O encontro acontecerá após conversa entre o presidente da CBF, José Maria Marin, junto de seu departamento jurídico. Os quatro clubes citados são responsáveis pela paralisação dos campeonatos, uma vez que acionaram a Justiça Comum para obter vaga na Terceira Divisão. Na oportunidade, Marin tentará propor algum acordo, ou até mesmo “peitar” as agremiações ignorando suas ações nos tribunais.

A pedido da CBF, todos deverão estar presentes com os presidentes de suas federações locais. Ambos ainda não sabem o assunto a ser discutido, mas já imaginam que a entidade tentará viabilizar de alguma forma o inicio das competições. CBF está sendo cobrada nos bastidores por demais clubes pelo prejuízo financeiro. Sem renda com jogos, nada de dinheiro para pagar o salário dos elencos.
Com esta reunião, dificilmente os campeonatos começarão neste final de semana. A expectativa da CBF é de que os clubes possam estrear no dia 27 de junho, um mês depois da data prevista.

A briga
Para integrarem a Série C, Treze, Brasil de Pelotas, Rio Branco e Araguaína entraram na Justiça Comum. Ambos conquistaram liminares ao seu favor, colocando a CBF numa verdadeira “sinuca de bico”. Todas as ações pediam a inclusão dos times em um dos dois grupos (regionalizados), tendo multa diária de R$ 50 mil por seu descumprimento. O maior valor chegaria a R$ 1,2 milhão.
Treze e Araguaína brigam pela vaga do Rio Branco, que no ano passado acionou a Justiça Comum para jogar no seu estádio e sequer foi punido pela CBF. Já o Brasil de Pelotas, rebaixado para a Série D no ano passado por escalar um jogador de forma irregular, quer tirar o Santo André, clube que só não caiu na temporada passada por causa da pena. Brasil foi perdoado perante aos Tribunais e se viu no direito de jogar.

Nenhum comentário:

Últimos Acessos nas 24h

Presidente Novelletto FGF

Presidente Novelletto FGF

Paulo Paixão

Paulo Paixão

Dr. José Raymundo

Dr. José Raymundo

Árbritro Jean Pierre Lima

Árbritro Jean Pierre Lima

Técnicos Cuca e Edson Gaúcho

Técnicos Cuca e Edson Gaúcho

Técnico Dunga

Técnico Dunga

Juan - zagueiro

Juan - zagueiro