XAVANTE : TEM QUE DEFINIR E MELHORAR

Fahel tenta explicar,mas não convence.
Depois de três amistosos, a equipe rubro negra está há ,praticamente, 15 dias da estréia no brasileiro.
OPINIÃO Venceu ao Sindicato, como previsto, embora não com a "barbada" que alguns ,mais emocionados, imaginavam. Com o Paraná Clube, o próprio técnico Fahel, declarou,hoje, após o amistoso, que o time paranaense vinha de uma parada, não realçando a vitória, como elemento de sustentação para previsões mais alvissareiras, e apaixonadas. Hoje, no teste contra o Campeão da Segunda Divisão Gaúcha, o Brasil teve dificuldades. Esse jogo, chegou a ser declarado pelo Departamento de Futebol, na coletiva, como "excepcional teste para o time!" A colocação do técncio, corrobora essa idéia, quando salientou a dificuldade imposta pelo time portoalegrense na partida. Ora! Mas, como saber ,qual Brasil vai estreiar contra o Caxias ? O da vitória contra um time , que mesmo, destacado no cenário brasileiro, parece não ter definido com mais segurança as expectativas do resultado na Série C? Ou o do resultado de hoje, onde o equilibrio foi mais visível,mesmo, com a vitória parcial do primeiro tempo, onde definiu-se como um teste excepcional? Deficiências: Quem será o zagueiro pelo lado esquerdo? Não falo isso pela mal resolvida saída do Alex Martins, que aliás, ainda tem dois meses em atraso para receber do clube, referente ao primeiro semestre. Isso, sem falar que ele mesmo propôs à direção, uma redução de 50% do seu salário, enquanto não estivesse jogando a Série C. Tem levado a famosa " curva" de "semana que vem passa aqui..." O atleta trabalhou! Não serviu? Paguem-no , e dispensem-no. Voltando aos zagueiros do lado esquerdo, os que se apresentaram ali não se firmaram. O próprio Renato, o qual o Fahel queria dispensar, e foi sustentado no grupo pelo vice de futebol, falhou ao ser expluso nos dois amistosos seguidos. Lino, segundo foi informado , está com desconforto muscular, mas hoje, pariticpou no banco de reservas. O time sofreu o segundo gol, da derrota de hoje, na bola aérea, levantada no lado esquerdo da defesa, o qual , afirmou Fahel : "ainda não treinamos essa bola defensiva." O Batata já disse ,quando chegou , que é volante , e faz a lateral esquerda.Mas com essa função, será improvisá-lo. Há quinze dias da competição,sabe-se que,ainda, é aguardado um novo lateral. Márcio Hanm, terá que marcar por dois, se permanecer sozinho na função de combate ,pois Moscatelli, improvisado de segundo volante tem, claramente, dificuldades no desarme da dividida contra seus adversários. Gostei da velocidade do time, e a capacidade técnica das jogadas quando ataca. Se o Cruzeiro de POA, que merce respeito, vindo de uma Segunda Divisão, é parâmetro para o teste de dificuldades do Xavante, o que dizer do Criciuma, que vem jogando em Santa Catarina, juntamente, com o Chapecoense, além do Caxias , que manteve uma ótima base do Gauchão, sem falar do bom time do Juventude, o qual vi jogar , recentemente? E olha, que tudo isso está em contradição de observações, ao ponto de deixar o torcedor em dúvidas de qual equipe vai chegar na reta final. Texto: Beto Vetromille

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BRASIL 1 X 0 INTER - E TABU QUEBRADO !

GE BRASIL ENCAMINHA SITUAÇÃO DO ATACANTE LUIS EDUARDO

UBERLÂNDIA /MG RECONHECE PROFISSIONAIS GAÚCHOS